terça-feira, 16 de agosto de 2022

D13BEA02-2620-4C65-96BF-FC2F269503A9

A reunião foi coordenada pelo diretor-geral da empresa pública, Júnior Leite

BRUNO VICENTE

Davi Valle

Clique para ampliar

A Empresa Cuiabana de Zeladoria e Serviços Urbanos (Limpurb) realizou,  na terça-feira (29), uma reunião de alinhamento com a União Coxipoense de Associação dos Moradores (Ucam) e a Federação Mato-grossense das Associações de Moradores de Bairros (Femab). O encontro teve como objetivo apresentar às entidades a nova metodologia de trabalho que está em implantação na empresa pública.

A reunião foi coordenada pelo diretor-geral da Limpurb, Júnior Leite, e contou também com a participação dos adjuntos de Serviços Urbanos, Anderson Matos, e de Zeladoria, João Hauer. Entre os pontos expostos aos representantes do movimento comunitários estão as ações de fortalecimento das Regionais e Subprefeituras, além da digitalização dos processos de solicitações dos presidentes das Associações de Moradores dos bairros cuiabanos.

“O que estamos trabalhando para implantar, e isso não será do dia para noite, é a descentralização dos serviços. Entendemos que quando conseguirmos fazer isso, o nosso trabalho terá uma eficiência maior. Temos hoje nove regionais, que precisam ser melhor aproveitadas, tendo as condições necessárias de receber as demandas de interesse das comunidades”, explicou Júnior Leite.

Para o diretor-geral, a descentralização também facilitará o trabalho que, voluntariamente, é prestado pelas lideranças comunitárias. Segundo ele, o presidente de uma associação não ficará mais limitado a ir até a sede da Limpurb para apresentar suas solicitações, podendo procurar a estrutura da Regional ou Subprefeitura. Ao mesmo tempo, a digitalização dos processos deve dar mais celeridade nas respostas.

“O prefeito Emanuel Pinheiro implantou um modelo de gestão popular, em que essas lideranças têm participação efetiva. O que estamos buscando é melhorar nossa atuação e facilitar o trabalho dessas pessoas. Criamos um setor de protocolos, onde as solicitações são digitalizadas e encaminhadas diretamente para uma equipe que vai entender a demanda e encaminhar para a área responsável. Isso vai garantir mais agilidade no atendimento”, disse.

O presidente da Femab, Walter Arruda, parabenizou a iniciativa de chamar o movimento comunitário para debater e participar do planejamento das ações da Limpurb. “Saio muito contente com o que eu vi ou ouvi nessa reunião. Uma gestão moderna se faz com descentralização, pois quem centraliza dificulta a solução dos problemas. É importante que a voz do líder comunitário seja ouvida pelo gestor público”, afirmou.

Também presente no encontro, o presidente da Ucam, José Mauricio Pereira, enfatizou que uma próxima reunião ainda mais abrangente será agendada, contando com a participação de todos os presidentes das Associações de Moradores e administradores regionais. De acordo com ele, essa iniciativa é fundamental para que todos tenham conhecimento das mudanças que estão sendo implantadas e os projetos para a cidade.

“Toda mudança é importante e, muitas vezes, necessária. No entanto, ela só cumpre seu objetivo quando todos conseguem entendê-la. E é isso que vamos buscar com essas reuniões. Também parabenizo o diretor-geral Júnior Leite, por entender que o fundamental no poder público é fazer com que a população seja atendida com qualidade e tenha respostas”, completou José Mauricio.